Tratamentos

Cirurgias Ginecológicas

As cirurgias ginecológicas são realizadas em mulheres com diagnóstico de doenças no sistema reprodutor. O assunto gera muitas dúvidas e inseguranças. Conheça a seguir algumas das técnicas de cirurgias ginecológicas:

Histerectomia total: cirurgia que retira totalmente o corpo e colo do úitero. É utilizada no tratamento do de miomas grandes e múltiplos, sangramentos sem causa aparente e alguns tipos de câncer .

Histerectomia radical ou cirurgia de Wertheim-Meigs: procedimento realizado para o tratamento do câncer do colo de útero em fase avançada. Consiste na retirada total do colo e corpo do útero e ovários, além da parte superior da vagina, dos paramétrios (ligamentos ao lado do útero) e dos gânglios da pelve(linfonodos).

Traquelectomia ou Conização: é a retirada de parte do colo do útero. Geralmente utilizada para diagnosticar e tratar lesões do colo do útero, malignas ou não.

Ooforectomia: é a retirada dos ovários.

Salpingectomia: é a retirada das trompas.

Anexectomia: esse procedimento inclui a ooforectomia e a salpingectomia, ou seja, a retirada dos ovários e trompas.

Linfadenectomia pélvica: retirada do tecido gorduroso e dos gânglios (linfonodos) que se encontram junto com os vasos e nervos da pelve.

Cada procedimento tem suas particularidades e apenas o médico que acompanha o caso pode definir como parte do tratamento a intervenção cirúrgica. Converse sempre com o médico antes de marcar a cirurgia e esclareça suas dúvidas para minimizar a ansiedade e entender o que vai acontecer com o seu corpo.